Competências de cuidado espiritual das midwives em destaque
Acaba de ser lançado inovador livro internacional sobre Cuidado Espiritual e que contou com a colaboração da ESEP para a definição das competências das enfermeiras especialistas em enfermagem de saúde materna e obstétrica na intervenção e avaliação do cuidado espiritual.
data

Acaba de ser publicado, pela prestigiada editora Springer, o livro Enhancing Nurses’ and Midwives’ Competence in Providing Spiritual Care. Esta monografia, a primeira dedicada a esta temática, aborda questões-chave no ensino e aprendizagem da espiritualidade e do cuidado espiritual no contexto da prática de enfermagem e obstetrícia.

O seu conteúdo é baseado nos resultados do projeto europeu EPICC – Enhancing Nurses’ and Midwives’ Competence in Providing Spiritual Care through Innovative Education and Compassionate Care, financiado pelo programa Erasmus+ e que contou com a colaboração de Wilson Abreu, docente da ESEP e investigador CINTESIS.

Este projeto permitiu reunir alguns dos mais eminentes educadores e profissionais de enfermagem e de obstetrícia, provenientes de 21 países, e culminou com a publicação deste importante livro.

Este livro apresenta uma abordagem inovadora e criativa para o ensino do cuidado espiritual centrado na pessoa, com base nas melhores práticas aplicadas no espaço Europeu.

O conteúdo e as atividades apresentadas permitirão aos educadores de enfermagem e obstetrícia adquirir novos conhecimentos e habilidades com vista a aprender e ensinar os aspetos pessoais, religiosos e espirituais que contribuem para um cuidado centrado na pessoa. Interativo e envolvente, permitindo, ainda, que estudantes de enfermagem e obstetrícia considerem, de forma holística, as necessidades das pessoas de quem cuidam.

Neste âmbito, o capítulo “Spiritual Care, Intervention and Evaluation”, com coautoria de Wilson Abreu, foca-se nas competências necessárias das enfermeiras especialistas em enfermagem de saúde materna e obstétrica para a intervenção e avaliação de cuidado espiritual dentro de uma relação de cuidado e compaixão, com o objetivo de discutir o conjunto de requisitos relevantes no contexto da prática de enfermagem materna e obstétrica.

Nota:

Do capítulo que contou com o contributo da ESEP foram, ainda, coautores Tove Giske[1], Aliza Damsma-Bakker[2], Sílvia Caldeira[3], Gracia M. González-Romero[4] e Fiona Timmins[5].

Afiliações

[1] Universidade de Bergen, Noruega

[2] Viaa University of Applied Science Zwolle, Holanda

[3] Universidade Católica Portuguesa, Portugal

[4] Servicio Madrileño de Salud (SERMAS) Comunidad de Madrid

[5] UCD School of Nursing, Midwifery and Health Systems – UCD College of Health Sciences, Dublin, Ireland

Sobre o projeto EPICC:

Durante o projeto EPICC (2016–2019), aproximadamente 200 stakeholders contribuíram para o desenvolvimento dos quatro principais produtos:

(a) EPICC Gold Standard para Educação em Cuidado Espiritual;

(b) Gold Standard para Educação em Cuidado Espiritual Narrativa;

(c) EPICC Spiritual Care Education Standard;

(d) EPICC Adoption Toolkit.

Esses recursos são detalhados nos capítulos do livro agora lançado, estando orientados para o ensino do cuidado espiritual e intervenção profissional, com vista à melhoria da prática de enfermagem e obstetrícia.

Mais
artigos

Podcast
“120 de Ciência”, o novo podcast da ESEP

O podcast intitulado “120 de Ciência” dedica-se à exploração dos estudos científicos da comunidade da ESEP. O primeiro episódio já está disponível. Em apenas 2 minutos, é apresentado o artigo publicado, em coautoria, por Margarida Reis Santos, docente da Escola Superior de Enfermagem do Porto.

Ler mais »