Intervenções de obstetrícia para reduzir o medo do parto em mulheres grávidas
Este protocolo de scoping review pretende mapear e analisar as intervenções de obstetrícia para reduzir o medo do parto em mulheres grávidas.
data

O medo do parto é um fenómeno que afeta negativamente a saúde e o bem-estar da mulher antes e durante a gravidez, bem como após o parto.

O artigo “Midwifery interventions to reduce fear of childbirth in pregnant women: a scoping review protocol”, publicado na revista internacional JBI Evidence Synthesis e escrito pela docente da Escola Superior de Enfermagem do Porto, Ana Paula Prata, em coautoria com investigadores da Universidade Católica Portuguesa e da Universidade de São Paulo pretende mapear e analisar as intervenções de obstetrícia para reduzir o medo do parto em mulheres grávidas.

Atualmente, oferecer um modelo adequado de atenção à gestante com medo do parto é um desafio na assistência obstétrica. Portanto, são necessários mais esforços para identificar e examinar as características das diferentes intervenções de obstetrícia para reduzir o medo do parto em mulheres grávidas.

Neste estudo serão considerados estudos que incluem intervenções para reduzir o medo do parto em mulheres grávidas, conduzidas e implementadas por parteiras, durante o período pré-natal, em todos os cenários de parto possíveis.

Mais
artigos